Santander lançará plataforma de empréstimos com baixos juros para negativados


A plataforma digital será chamada de Sim e ofertará menores taxas de juros para empréstimos. Serão aceitos diversos tipos de garantia, incluindo imóveis.

O Santander divulgou mais uma inovação para seus clientes: o lançamento de uma plataforma digital de empréstimos. A nova medida será lançada em setembro, com o intuito de permitir que os clientes realizem empréstimos utilizando diversas garantias, desde imóveis a motocicletas. A plataforma foi anunciada por Sergio Rial, presidente executivo da instituição, ao divulgar os resultados financeiros do banco.

Seguindo os caminhos das fintechs, o Santander lançará também, previsto para o fim do ano, outras plataformas digitais para a renegociação de dívidas e seguro de de automóveis. “O Santander é uma incubadora de novos negócios em meio ao crescimento das fintechs”, afirmou Rial.

Dessa forma, o balanço divulgado pelo banco demonstrou um lucro líquido de R$ 3,63 bilhões. Esse valor foi 20,2% maior que o do mesmo período no ano passado. Além disso, houve aumento também na carteira de crédito: 2,2%, totalizando R$ 317,6 bilhões. Assim, o aumento no lucro foi devido a empréstimos ofertados aos consumidores, visto que a demanda de empresas por esse tipo de serviço é baixa.

Plataforma online contará com menores juros

A nova plataforma digital do Santander será denominada como Sim, com seu lançamento previsto para o dia 23 de setembro. De acordo com Rial, o atrativo da plataforma será um oferecimento de menores taxas de juros e um processo de aprovação de crédito mais eficaz.

Assim, o intuito do banco é fazer com que a Sim seja rival do próprio Santander. Com isso, o empréstimo utilizando um imóvel como garantia será apenas um dos diversos serviços ofertados, visto que o presidente da instituição acredita que ainda há espaço para uma nova plataforma digital de crédito no mercado. Atualmente, o Santander investe na Creditas, uma fintech de crédito com garantia.

Além disso, Sergio Rial anunciou que o banco também lançará uma plataforma online para renegociação de dívidas dos consumidores. O esperado é que a ferramenta seja disponibilizada até o fim do ano. O intuito é atender todos os consumidores, até aqueles que não são correntistas do banco.

Já em relação aos seguros, o Santander irá oferecer, a partir de agosto, uma nova ferramenta digital para o setor de automóveis. O serviço será ofertado em parceria com a seguradora HDI, priorizando o consumidor final.

Expansão de Negócios

Outra medida anunciada por Rial foi a intenção de ampliação da área de atendimento da operação de microcrédito do Santander, a Prospera. Segundo o presidente, a finalidade é levar a operação para a América do Sul. Desse modo, a instituição atingirá cerca de 10 milhões de clientes.

Atualmente, o Santander possui mais de 360 mil clientes, número que dobrou em dois anos. Assim, o banco encerrará 2019 com o total de 99 agências físicas da Prospera.

Ademais, outra medida implantada na América do Sul será a conta digital do banco em parceria com a Natura, priorizando as revendedoras da marca. Para ele, será possível ofertar a conta digital na operação global da marca, visto que a Natura adquiriu recentemente a marca Avon.

Por fim, a mesma expansão é projetada para a Getnet, empresa de meios de pagamento do Santander. A expectativa é que a Getnet chegue ao México até o segundo semestre de 2020. Dessa forma, o intuito é replicar o modelo para os demais países da América do Sul.

 

Deixe uma resposta