63% de novas contas bancárias em 2020 no Brasil foram abertas pelo celular, revela pesquisa


63% das pessoas que viraram correntistas de bancos brasileiros no ano passado fizeram a abertura de conta por smartphone, um dado superior aos 37% do resto do mundo. Os números são de um estudo da Accenture sobre operações bancárias, feito em 27 países durante julho e agosto de 2020 com 47,8 mil pessoas, inclusive o Brasil.

Outro dado da análise revela que 43% dos brasileiros abriram mais de uma conta não-primária (com menos movimentação), ante 24% do resto do mundo. Além disso, 44% disseram que têm contas em bancos digitais novos (neobanks), sendo que 21% são primárias – com mais movimentação – e 23%, secundárias.

Na média global, 23% são correntistas de neobanks com 12% primários e 11% secundários. Apenas 2% dos brasileiros ouvidos pela pesquisa consideram-se clientes de bancos tradicionais. No resto do mundo esse percentual é de 16%. O correntista brasileiro, de acordo com o estudo da Accenture, confia mais nos bancos (33%) que a média global (29%).

O estudo indica o impacto do novo coronavírus no uso de novas tecnologias no universo bancário: 46% dos brasileiros estariam dispostos a fazer videochamadas com um consultor de seu banco, ante 36% da média global. A pesquisa procurou entrevistados com uma conta bancária, de diferentes gerações e de variados níveis de renda.

Fonte: Blog Televendas & Cobrança