Ser multicanal é suficiente?


*Por Ariane Abreu

A multicanalidade definitivamente se tornou uma tendência. Quem não possuir ferramentas como telefone, e-mail, chat, SMS e Whatsapp, está perdendo a oportunidade de interagir com o maior número de pessoas possível. Seria a disponibilidade de canais suficiente para satisfazer o consumidor?

Se depender de algumas pesquisas recentes, a resposta é não. De acordo com a PGeC, empresa especializada em consultoria para lojas virtuais, 30% dos clientes ficam sem resposta quando enviam um e-mail. Ou seja: quantidade não necessariamente significa qualidade.

É claro, o telefone ainda é o principal contato. No entanto, a importância do correio eletrônico vem crescendo, principalmente pelo fato da Geração Y preferir escrever a falar por voz. Segundo o Customer Experience Lab (CX Lab), laboratório de pesquisas do Grupo Teleperformance,  35% dos usuários preferem essa forma de comunicação.

Outros estudos reforçam a importância desse canal: ele é considerado a principal ferramenta profissional (61%), conforme a Pew Research Center, organização responsável por informar sobre questões e atitudes moldando os EUA e o mundo. O resultado confere com outro levantamento, do Mc Kinsey and Company, consultoria empresarial americana:  profissionais gastam 28% do tempo lendo e escrevendo mensagens.

E não é para menos: são enviados 204 milhões por minuto (Domo Tecnologia). Como organizar esse imenso fluxo de informações mantendo a eficiência e a qualidade no atendimento? De maneira manual, impossível! É preciso contar com uma plataforma de gerenciamento.

O Gestão de E-mail surgiu com o objetivo de otimizar o contato com o cliente, melhorando não só a velocidade da resposta como também o seu conteúdo. Para aumentar a produtividade, foram desenvolvidas as “respostas padrão”, adicionadas com apenas um clique em uma busca rápida. Outros destaques incluem o histórico das conversas e o agendamento de envio, assim como monitoria real time. Há outras funcionalidades interessantes, como a abertura automática e palavras proibidas.

Agora você já sabe: ser multicanal não é o suficiente! O público está cada vez mais exigente com relação ao atendimento. Antes de implantar os diversos meios de contato, é necessário planejar como será o seu fluxo de respostas. Afinal, quem decide como deve ser a comunicação não é mais a corporação: o consumidor se tornou o protagonista. E ele sabe disso. Você está preparado?

*Ariane Abreu é Diretora Comercial da Total IP

2 replies to this post
  1. Ole1, sou estudante de geste3o da tiolcnogea da informae7e3o. Tenho experieancia em ve1rias e1reas das mais diversas como educae7e3o fedsica, jogos cooperativos, treinamento em empresas, entre outras.Eu gostaria de procurar uma forma de entrar no mercado de trabalho voltado para geste3o em TI. Existe alguma dica, site, certificae7e3o que poderia me ajudar? Obrigado.Marcelo

Deixe uma resposta